Você costuma doar sangue? Veja 5 benefícios de ser um doador!

mulher ilustra benefícios de ser um doador de sangue de

Uma única doação de sangue pode ajudar a salvar até quatro vidas. Ao mesmo tempo, auxilia os portadores de doenças crônicas graves a viverem por mais tempo e ainda é fundamental para tratar feridos em casos de acidentes e calamidades. Todas essas razões já seriam suficientes para alguém querer doar sangue, não é mesmo? Acontece que a possibilidade de salvar vidas é apenas um dos benefícios de ser um doador de sangue!

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, 1,8% da população doa sangue com regularidade. Esse número fica um pouco abaixo dos 2% ideais definidos pela Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS). Ou seja, por aqui, os bancos de sangue operam no limite. 

É por isso que aproveitamos a proximidade do 14 de junho, Dia Mundial do Doador de Sangue, para falar dos benefícios de ser um doador e também agradecer o empenho de milhares de voluntários que todos os anos buscam os bancos de sangue para fazer as doações. <3

5 BENEFÍCIOS DE SER UM DOADOR DE SANGUE
1) Ajudar a salvar vidas

Já falamos nesse tópico lá no comecinho de post e fazemos questão de repetir aqui: doar sangue é um gesto de solidariedade que salva vidas! E esse é sem dúvida o maior benefício de ser um doador de sangue.

Todo sangue doado nos hemocentros é separado em diferentes componentes (hemácias, plaquetas e plasma) e assim uma única doação pode beneficiar mais de um paciente. Os componentes, por sua vez, são distribuídos para os hospitais para atender aos casos de emergência e aos pacientes internados.

2) Obter um check-up gratuito

Para que uma doação de sangue seja utilizada, os hemocentros realizam uma série de exames, com o objetivo de identificar se aquele material está apto ou não para ser armazenado no banco de sangue.

Dentre os testes realizados nos sangues doados estão os exames para identificar a presença de doenças como Hepatite B e C, Sífilis e HIV. Esse procedimento garante a segurança daqueles que irão precisar da doação em algum momento.

O doador, por sua vez, tem acesso a todas as informações do exame. Portanto, ao doar sangue você obtém um check-up gratuito que pode ajudar na prevenção e tratamento de diversas doenças.

3) Tirar um dia de folga por ano

A Consolidação das Leis do Trabalho – CLT prevê que o colaborador de uma empresa pode deixar de comparecer ao serviço, sem prejuízo do salário, por um dia, a cada 12 meses, em caso de doação voluntária de sangue devidamente comprovada.

4) Pagar meia-entrada em eventos culturais

O benefício de meia-entrada é garantia para doadores de sangue com registro nos hemocentros dos Estados e Municípios com leis vigentes para a concessão do benefício. Dessa forma a comprovação deve ser feita mediante apresentação da declaração e/ou carteirinha de doação expedidas pelos próprios hemocentros e bancos de sangue.

5) Ter acesso a atendimento preferencial

Muitos Estados e Municípios possuem leis que preveem atendimento preferencial – em filas de bancos e repartições públicas, por exemplo – para doadores de sangue, mediante comprovação. Na maior parte dos casos, a ideia é valorizar, e sobretudo agradecer, os doadores voluntários por esse gesto solidário que pode salvar vidas!

Então, agora que você já sabe mais sobre os benefícios de ser um doador é só dar uma espiada no post Doação de sangue: faça parte dessa corrente do bem para ver direitinho o que é preciso para concretizar uma doação!

Você já tinha conhecimento das informações que compartilhamos aqui? Doar sangue é algo que você faz com frequência? Conta pra gente nos comentários!


* Confira também aqui no blog o post 12 mitos e verdades sobre vacinação que você precisa conhecer.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.